Maceió

Procon multa supermercados da capital que alteram preços dos produtos

Uma fiscalização do Procon Maceió autuou, nesta quarta-feira (16), um supermercado situado no bairro do Stella Maris, por irregularidades encontradas. Após análise, o supermercado deve pagar uma multa que varia de R$ 600 a R$ 9 milhões.

procon-supermercados
A ação do Procon teve o objetivo de averiguar a diferença de preços dos produtos vendidos nos supermercados

Uma fiscalização do Procon Maceió autuou, nesta quarta-feira (16), um supermercado situado no bairro do Stella Maris, por irregularidades encontradas. Após análise, o supermercado deve pagar uma multa que varia de R$ 600 a R$ 9 milhões.

A ação teve o objetivo de averiguar a diferença de preços dos produtos. No local vistoriado, foram constatadas diferenças de preços. O produto – um kit de lençóis e colcha – estava por R$ 79,90 na prateleira e, no leitor, R$ 99,90. A diferença era de R$ 20 entre a prateleira e o caixa.

De acordo com o coordenador de fiscalização do Procon, Augusto Rocha, o trabalho foi motivado por denúncias feitas pelos consumidores por meio do aplicativo de celular.

Whatsapp ajudou o Procon

“O uso do WhatsApp facilitou as denúncias dos consumidores, pois por eles as pessoas podem mandar fotos e confirmar a diferença de preços. Estamos recebendo muitas denúncias nos supermercados onde os preços apresentam diferentes da prateleira e do caixa. As promoções ofertadas pelos supermercados são os que acumulam o maior número de denúncias”, explica.

Ainda segundo o coordenador, os supermercados que forem autuados podem pagar multa que varia de R$ 600 a R$ 9 milhões. “Se for constatada a diferença de preço, os supermercados irão ser autuados onde o valor a pagar irá depender da estrutura do supermercado e da quantidade de irregularidades”, avalia.

No supermercado, a fiscalização também vistoriou a validade dos produtos nas áreas de frios, padaria e promoções. A fiscalização ocorre durante a semana e deve passar em até 35 supermercados.

| Gazetaweb.com

DEIXE SEU COMENTÁRIO